Parto

16 fevereiro 2011
Hoje eu to muito confusa, ansiosa, e chateada também! Quero muito que meu bebê nasça de parto normal, li muito sobre partos ontem, e não é que eu tenha ficado impressionada com alguma coisa, mas dês do início eu desejei que meu bebê  viesse ao mundo "naturalmente"! Não é errado eu mudar de ideia todos os dias, afinal de contas sou eu que vou estar la, sou eu quem vai dar a luz, sou eu quem tem que decidir! Sinceramente to com medo da repressão da minha médica, é de indignar, mas ela marcou o PC para dia 1° de Março, pois no dia 5 que eu estaria completando 39 semanas é feriado de carnaval! Poxa, to com vontade de chorar! Quero muito entrar em trabalho de parto, mesmo que no fim das contas eu tenha que fazer cesárea! Faz algum tempo que não vou mais com a cara da GO, tudo por que teve uma consulta que ela foi super estúpida, ela pode ter os problemas dela, mas não vir me alfinetar! E na última consulta ela disse que sou mimada! EU SOU CHATA, MIMADA NÃO! E disse que se eu optasse por PN era pra eu fazer a anestesia, por que ela já viu partos fáceis, e partos difíceis, novidade? Nenhuma, nem pra mim, nem pra ela! Eu la quero saber do que ela já viu? Leio muito todos os dias sobre tudo relacionado à maternidade, não sou nenhuma besta! E se for pra optar pelo PN vai ser na raça, se eu não quisesse sentir dor então eu optaria pela cesárea né tchê?! (me indignei) Coragem eu tenho! Pra enfrentar tudo e todos, sou muito peituda, e não meche comigo! Haha Sério, como ela pode influenciar a minha cabeça e me fazer ‘desistir’ do que eu tanto queria? Claro, ela veio com a história que deixar passar de 39 semanas é perigoso e blbalablabla, ela é folgada mesmo! Já vi que não gosta de ouvir uns gritos e de uma supermãe reclamando de dor! Que médica hem!? Ok, vou me acalmar.
Voltando... (juro que parei pra respirar e beber água, rs) tenho pequenos medos e anseios, afinal sou mãe de primeira viagem! Entende? Odeio sentir dor, mas já tive cólicas horrendas na minha vida, sei que vou sentir isso e até umas dores mais fortes no PN, mas não consigo me conformar com as “regras” do PC, primeiramente os riscos de uma cirurgia abdominal de risco, o jejum, o tal do soro que dói mais que a picada da anestesia, a anestesia com a agulha enorme (e os riscos que toda anestesia tem), a sensação de “perder as pernas”, o corte, as tremedeiras, o tempo de recuperação, o pós-parto, os pontos que talvez inflamem os remédios para a dor, os dias no hospital, e a lista corre. Enquanto no PN, tu sente toda aquela dor do trabalho de parto, horas e horas, mas depois? Nossa depois parece uma benção, o tempo de recuperação menor, tu tens disposição para várias coisas, fica no máximo um dia no hospital, sem contar que é melhor para os pulmões do bebê, e o contato direto, direto no peito!
Gente, eu quero muito ter meu bebê de parto normal, se não for pedir muito, rezem pra que eu consiga! Quanto a minha médica, se não quiser estar aí no feriado de carnaval, ou sei la em que hora o Otávio resolva nascer, eu vou pra maternidade da cidade vizinha, que é maior e tem todos os tipos de plantonista, sendo que no hospital aqui da minha cidade (como já tinha dito, cidade pequena) só tem um plantonista, e é clínico geral.
É isso, seja como Deus quiser, se precisar ser cesárea, vai ser, tudo bem, o que eu não quero é a GO decidindo por mim!
Aí vai uma foto do berço arrumadinho do Tavinho, reparem que eu sou bem minimalista, e escolhi um kit simples, mas muito lindo, os lençóis tem ursinhos bordados, coisa mais linda! Ainda não coloquei os protetores de berço por achar que não faz diferença, pelo menos nos primeiros meses de vida, e também por que o colchão ta no nível mais alto e não da pra encaixar direito!

Bjs e luz!



2 comentários:

projetodemae disse...

A minha médica brincou cmg em relação ao feriadão de Páscoa. A data que marcou no meu primeiro ultrassom foi 24 de abril, exatamente o domingo de Páscoa.
Ela marcou minha última consulta para o dia 19 e disse: "Ai desse menino se não chegar antes do feriadão".
Eu acho que ele vem antes sim, ali pela metade de abril mesmo.
Sobre a cama... tá linda! Beijos!

Renata disse...

Tami Tami, se acalme, menina!
rs...
Eu não comentei isso no blog, mas eu atencipei a chegada da Cecília, mas eu sentia contrações direto e meu colo do útero estava entreaberto, eu estava com 38 semanas.
Eu e o Bruno, ficávamos... brincando! Entende??
Brincando... e isso acelerou as coisas!
Pra mim deu super certo, pq ajudou a ter passagem, mais contrações e td mais... E foi justamente no dia que acabamos de "brincar" que a Cecília nasceu.
beijos linda

Postar um comentário

volte sempre!!! :)